Os blogueiros profissionais e nova lógica da comunicação corporativa

O termo “mídias sociais” começou a ser usado com muita freqüência pelos estrategistas de comunicação e pelos blogueiros profissionais. Raros são os produtos que não podem ser inseridos em comunidades virtuais pelo mundo afora. Aliás, existe gosto pra tudo. O problema, contudo, não está em trabalhar nesse novo campo midiático, mas na forma de ser percebido pelo público.

Blogueiros profissionais: Muita informação em pouco tempo

Um dos primeiros passos, porém, é compreender o processo “viral” da informação no terreno das mídias sociais. Existe uma lógica que precisamos praticar mais que entender, simplesmente. Parece-me que estamos vivendo uma volta ao passado, onde os segredos e mistérios das civilizações perdidas estavam presos ao emblemático “Decifra-me ou devoro-te”.
No mundo virtual, verdade e mentira confundem-se e acabam por rechear a realidade e a imaginação de milhões de pessoas, todas consumidoras. Como sabemos, no campo das mídias sociais, a relevância de uma informação, de um fato, por exemplo, não se restringe ao grau de veracidade. A mentira vira verdade na mesma velocidade que volta a ser mentira.
O que é velho fica novo e o novo envelhece com muita rapidez. Marcas, conceitos e blogueiros profissionais consolidados há anos podem viram pó, tanto quando “falsos brilhantes” têm seus 15 minutos de fama. Do nada surgem celeridades- relâmpago, como por nada as personalidades mais admiradas podem ter suas vidas devassadas em poucos segundos. É nesse mundo que estamos vivendo.
As corporações e os blogueiros profissionais estão lutando para se adaptar na mesma velocidade com que seus públicos, especialmente os jovens, estão se comunicando. O tempo entre o recebimento da reclamação e sua chegada ao presidente e desse para a solução, encurtou de alguns meses na década de 80 do século passado para poucos segundos de hoje. Uma reclamação, por mais inverídica que seja pode contaminar toda uma rede de relacionamento corporativo, causando graves prejuízos para uma marca, uma empresa.

Mas, afinal, como lidar com isso?

Existe uma luz no fim do túnel. Aliás, muitas luzes. A receita é antiga e os custos não são tão caros. A solução, para a maioria das empresas que estão direcionando suas estratégias de marketing e comunicação para o mundo das mídias sociais é implantar blogueiros profissionais que passam o dia inteiro em toda a parte do mundo, “vasculhando” e comentando informações da organização em comunidades afins ou contrárias. Geralmente são jovens, com tempo e habilidades disponíveis para navegar pelo mundo da comunicação virtual.
Muitos podem pensar, no entanto, que isso é uma realidade longe da sua situação atual. . Em poucos anos, esses novos profissionais da comunicação, os blogueiros profissionais, serão muito bem remunerados e uma das mais valiosas formas de gerir a imagem e o conceito das empresas. Você está preparado para isso? Sua empresa está?

Deixe seu comentário